Primeiro CD Camerata

Participaram desta gravação os músicos:

Paulo Pedrassoli (direção musical), Gaetano Galifi, Fábio Adour, Célio Delduque, Valmyr de Oliveira, Rogério Borda, Ricardo Filipo e Artur Gouvêa.

 

Ficha Técnica

Engenheiro de som: Fernando Guilhon

Técnicos: Ricardo Cutz e Paulo Pedrassoli

Textos: Camerata de Violões

Tradução: Suzana Fuentes

Fotos: Daniela Fuentes

Coordenação de produção: Eliana Fonseca

Direção de arte: Flávia Portela; Assistente: Cris Lopes

 

Gravação realizada entre 14 e 17 de dezembro de 1998 na Sala Cecília Meireles, Rio de Janeiro

Editado no estúdio do Conservatório Brasileiro de Música e no homestudio de Paulo Pedrassoli

 

Ares Nordestinos - Caatinga

Italiano de nascimento, Gaetano Galifi é um profundo admirador dos ritmos brasileiros e particularmente das riquezas que emanam do Nordeste. Ao elaborar esta obra, o autor procura caracterizar a rudeza da Caatinga, a melancolia do Sertão e a alegria de uma festa na roça, reportando o ouvinte aos ares nordestinos.

Ares Nordestinos - Sertão

Italiano de nascimento, Gaetano Galifi é um profundo admirador dos ritmos brasileiros e particularmente das riquezas que emanam do Nordeste. Ao elaborar esta obra, o autor procura caracterizar a rudeza da Caatinga, a melancolia do Sertão e a alegria de uma festa na roça, reportando o ouvinte aos ares nordestinos.

Ares Nordestinos - Festa na Roça

Italiano de nascimento, Gaetano Galifi é um profundo admirador dos ritmos brasileiros e particularmente das riquezas que emanam do Nordeste. Ao elaborar esta obra, o autor procura caracterizar a rudeza da Caatinga, a melancolia do Sertão e a alegria de uma festa na roça, reportando o ouvinte aos ares nordestinos.

Fantasia Sobre o Baião de Luiz Gonzaga

Baião, sinônimo de baiano, é um gênero de música popular caracterizado principalmente pelo rítmo sincopado. Sua origem remonta ao século XIX e suas melodias são reminiscências dos tocadores de côco e tocadores de viola e rabeca.

Música para a Camerata de Violões

Num sábado de 1997, os oito integrantes da Camerata foram passar uma tarde com o grande compositor Hermeto Pascoal na sua casa em Bangu. Não demorou muito para que ele pegasse um cavaquinho e transmitisse suas ideias freneticamente para o grupo de violonistas. A música surgiu em poucas horas, mas só ganhou sua forma final graças ao trabalho do Fábio Adour, que acrescentou alguns trechos e terminou de estruturar a composição.

 

Violofônika

Esta peça de João Mendes integra ciclo de peças escritas numa linha experimental, onde a preparação do instrumento é determinante para a sonoridade e a concepção da obra. Os violões são divididos em dois grupos: "normal" (não preparados) e "amplos" (preparados de forma não usual). Formas lúdicas, técnicas de improvisação e a dimensão visual e cênica são integrados e redimensionados numa perspectiva pessoal.

Páginas